segunda-feira, março 13, 2006

CASA DO SENHOR S. PAIO do RAMIRAO


Enquanto nao escrevo o artigo sobre a casa e, para continuar a despertar curiosidade, aqui publico uma foto, em que na umbreira esquerda de uma porta do res-do-chao, se encontram gravadas estas cruzes.

6 comentários:

mao morto disse...

Bom observador!!! :)

GreenSky disse...

Penso que os pedreiros utilizavam símbolos próprios para marcar as suas obras - Não será isso?

TSFM disse...

Na Idade Média, sim. bem como na Idade Moderna ainda acontece esse tipo de "assinatura". Falta saber a "idade" destes silhares. Mas, o meu amigo GSK está atento, sim senhor, mais um Verão e o meu amigo está um perito. Agora que até já sabe como utilizar um GPS ao serviço da Arqueologia, nimguém o agarra...

OJ disse...

Já agora também será de equacionar se não há um reaproveitamento das pedras. Fala quem não conhece o caso concreto.

al cardoso disse...

Tal como o TSFM sei que os pedreiros usavam siglas nas pedras que talhavam, mas tal como ele concordo que embora esse uso, ainda pudesse pontualmente ocurrer na idade moderna, foi muitissimo mais usado na idade media. Nao era tambem muito usual tanto quanto sei a gravacao de cruzes mas sim outros simbolos diferenciados. Esta casa embora antiga nao creio que va para alem do seculo XV. Quanto ao facto de terem sido originarias de outro local, pela minha observacao no local nao me pareceu.
Ja agora e para provocar algum interesse extra, irei brevemente referir-me a uma capela medieval, essa sim tem algumas pedras marcadas com siglas.

Nuno disse...

Há siglas de canteiro cruciformes. Mas estas construções populares não tinham em geral obra de cantaria siglada. As pedras poderiam ser reutilizadas como sugere o caro OJ, mas, neste caso, não me parece. Este tipo de cruzes aparece em várias ombreiras de portas no concelho de Fornos (por ex. nas Forcadas) e penso que seria improvavel coincidência se se tratasse de reutilizações.