sábado, setembro 16, 2006

Graniticas "Terras de Algodres"


Nesta regiao onde o granito e rei, podemos apreciar varias formacoes rochosas como a da fotografia. Algumas o povo na sua sabedoria secular, deu-lhes nomes sugestivos: Pedra da Pita, Pedra do Tlin Tlin, Lage Escorregadia, Penedo do Porco, Penedo Furado, etc etc.
Como chamariam os meus amigos a esta formacao?

14 comentários:

Crónicas de Ariana disse...

Simplesmente penedos... apanhaste-me de surpresa!

Bom fim-de-semana!
BJS :)

Joaquim Baptista disse...

Parece uma cereja a coroar um bolo.

Por aqui também há muitos penedos graniticos, especialmente no morro de Monsanto. Hei-de um dia destes postar algo sobre essas penedias, ao pé são assombrosos.

Tozé Franco disse...

Lá me "roubaram" a ideia!...
Eu que queria ser original e dizer a cereja em cima do bolo...
Como já alguém sugeriu isto acabou-se-me a inspiração.
Para mim as paisagens da Beira-Alta enchem-me as medidas, pois revelam uma força da natureza espantosa. Talvez o facto de ter começado a minha vida profissinal em Mangualde e as férias que fiz em Penalva do Castelo quando era petiz, me tenham despertado para este tipo de paisagem. Também todos os anos acompanho alunos até à Serra da Estrela, onde pernoitamos junto à Senhora do Desterro, na casa das Mimosas e posso assegurar-vos que não há em mais lado nenhum um céu como aquele.
E todo este "parlapiê" por não ter nenhum nome para sugerir. Peço desculpa pelo epaço ocupado.
Um abraço

Joaquim Baptista disse...

To Zé desculpe por ter sido mais rápido, eheheheh....

Terreiro disse...

Cão deitado, espera o dono (pastor) o rabito no ar de alegria ... momentos de brincadeira.

Reparem bem na cabecita do cão com orelhas, e as patas dianteiras esticadas para a frente.

Não existe melhor artista que a natureza.

Abraços

Zel disse...

Venho agradecer as amáveis palavras deixadas lá na minha terra. Vou aos poucos tentar meter a escrita em dia no meu blog e dos amigos.

Curioso que a minha aldeia também é conhecida como a terra da pedra e dos pedreiros, daí o nome de rodadepedra ao blog


Forte abraço

JL disse...

Bom, se eu mostrasse estas pedras ao JEFF ele haveria de descobrir aí coisas do arco da velha.
Um abraço

Pete disse...

Agora não estou a ver assim nenhum nome sugestivo.

Um Abraço e bom resto de semana.

RPM disse...

eu chamaria de, O Polvo......

um abraço de amizade e cá estou...não desapareci. Apenas uns trabalhos a mais que não deixam tempo.....

abraço

RPM

Velutha disse...

Abstraindo-me do formato de cada uma das rochas e olhando para esta bucólica paisagem chamar-lhe-ia o Paraíso da Rocha. Deve ser lindo passear por aqui.
Beijos

mao morto disse...

Vejo uma tribo de Lusitanos a viver nas cercanias e a visitar este penedo, local sagrado, onde cultivam ainda plantas medicinais, paranormais e com outros efeitos que tais. Durante a lua cheia junta-se toda a tribo e conta-se a lenda de Zuro, o gigante senhor daquelas terras que em tempos idos por ali passava montado em Trovo, o seu cavalo alado, de cor negra e olhos de relâmpago. Eis que um dia Trovo sentiu uma incontornável necessidade de interromper o vôo e ali mesmo depositou a carga que trazia nas entranhas. Os antepassados dos Lusitanos, saíram então dos esconderijos (pois temiam a fúria devastadora das duas criaturas) e esta pedra que agora vemos tornou-se local de culto; acreditava-se que o simples acto de pisar tal solo aumentava a virilidade e a capacidade de resistência às enfermidades dos homens.

... ou então vejo uma almôndega gigante... também pode ser, não?

Lord of Erewhon disse...

«Crânio da Pedra»... :)
Paz e sabedoria!

al cardoso disse...

Bem hajam todos pela colaboracao na possivel identificao destes penedos. Especialmente e sem ofensa para os demais, quero sublinhar a invencao da lenda do meu amigo: Lingua Morta.
Isso e que e imaginacao!!!

Anónimo disse...

horrivel