segunda-feira, junho 11, 2007

Igreja de S. Miguel, Matriz de Fornos de Algodres!

Portal da Igreja de Sao Miguel; Matriz de Fornos de Algodres.


Embora alguns autores, entre os quais Pinheiro Marques (Terras de Algodres) e Paula Figueiredo (http://www.monumentos.pt), afirmem que a Matriz de Fornos so a partir do seculo XVI passou a ter como patrono S. Miguel. Sabe-se que isto nao e verdade, pois ja em 1258, era intitulada por "Sanctis Michaelis" (inquiricoes de D. Afonso III).

Existem registos da existencia desta igreja pelo menos desde 1170, sendo nesta altura aqui que os colonos da Granja da Figueirola (Figueiro da Granja) recebiam os sacramentos.

Em 1320 foi esta igreja taxada por D. Dinis em 50 libras portuguesas para ajudar a guerra contra os mouros, e em 1583 era uma Abadia do padroado real.

Do templo de fundacao medieval ja nada resta, mas estava localizado no mesmo local da igreja actual, naquela altura fora da povoacao. Tal como regulavam as normas canonicas, a construcao estava orientada de nascente para poente, ficando o portal principal virado a poente.

Ora acontece que estando situada numa rua ingreme, com o portal virado para a encosta, acontecia ser palco de frequentes inundacoes, devidas chuvas e tempestades, que traziam pela rua abaixo enormes quantidades de agua. Pelo que no seculo XVI (1576) ordena o visitador eclesiastico, a construcao de uma nova igreja virada a nascente, para obviar estes inconvenientes.

Ja nos seculos XVII e XVIII foi este templo reconstruido e alteado, as obras duraram muito tempo, tendo a dada altura os servicos paroquiais, sido transferidos para a Igreja da Mesericordia, so voltando esta igreja a ser paroquial em fins do seculo XIX. A torre sineira so foi terminada ja na primeira metado do seculo XX.

4 comentários:

Moura disse...

Mais uma lição sobre o património de Fornos de Algodres. Tenho de lá voltar com mais calma... e comer num rstaurante em frente da câmara municipal que me chamou a atenção!
E quanto ao meu desfaio no comentário do post anterior !?
Um abraço

Manuela disse...

Não sei as suas convicções mas mesmo assim venho convidá-lo a ir até ao meu blog,pois tenho um desafio para todos os que quiserem participar.
Um abraço
Manuela
http//simplesmenteamanuela.blogspot.com

Anónimo disse...

é uma igreja muito bonita . por acasa tive a oportunidade de a ir vesitar

Rui Costa disse...

Olá, estimo em saber que as pessoas entendem o património como um bem que deve ser preservado e divulgado.
É também por esse motivo que estou a tentar angariar fotografias de Fornos de Algodres para difundir nos ecrãs da Clínica Médico Dentária de Fornos de Algodres.
Por estranho que vos pareça, as pessoa adoram ver as fotos mesmo durante os tratamentos.
Se pretenderem colaborar enviem-me fotos ou passem por lá.

Um abraço,

Rui Costa (ruimncosta@gmail.com)