quinta-feira, março 22, 2007

"O NICHINO"

A gruta ou "nicho" da Senhora dos Milagres.

Estes penedos ou "penedros" como diz o nosso povo, formam uma pequena gruta, pois foi aqui, precisamente aqui ( como diria o Professor Saraiva) que apareceu a imagem da Senhora dos Milagres miraculosamente. Esta imagem tinha sido transportada para a Se de Viseu decadas antes, devido a falta de entendimento entre o clero, os populares e junta paroquial. (coisas de dinheiro creio eu!) Estes factos originaram a destruicao do templo original, que era muito mais grandioso, pois se ja nao tinham a imagem nao necessitavam do santuario para nada.

Este "milagre" do segundo aparecimento da imagem neste lugar, aconteceu em 1786, de acordo com uma data gravada no rochedo. (avivada a verde!!!)
Suponho ate nem tera nada que ver, com o facto de trabalhar nessa altura para o bispado, um individuo natural da Muxagata. (digo eu!!!)

O que e facto e que tendo os muxagatenses destruido o templo anterior, muitissimo mais antigo e grandioso, ninguem na redondeza achou bem que a Virgem quize-se voltar a ser venerada na antiga freguesia, mas estas decisoes "divinas" sao para os mortais dificeis de compreender!

E por isso que desde essa epoca se reza a seguinte quadra:


Minha Senhora do Milagres,
Onde fos-te aparecer.
Em terras da Muxagata,
Onde nem se sabem benzer!


A FESTA E ROMARIA E JA NESTE DOMINGO, 25 de Marco.


Ps: So gostaria de que alguem me disse-se, qual e o paradeiro dessa imagem original!!! A actual uma imagem grande e muito bonita, foi mandada fazer creio que ja no seculo XX

7 comentários:

RPM disse...

Amigo!

um abraço de amizade e que a romaria seja um sucesso...

e eu, aqui na Terceira

RPM

Moura disse...

...aos céus não subiu certamente! Estará a decorar uma luxuosa divisão de uma casa recheada de antiguidades! De onde vieram um tão grande número de peças de arte sacra que se encontram nos leilões e lojas dos antiquários...?

Um abraço

Tozé Franco disse...

Onde está a imagem não sei.
O curioso é que também em Cernache há a Festa da Senhora dos Milagres. Aqui a imagem ia a caminha de Coimbra levada num burro que parou à porta da Igreja Paroquial e se recusou a sair dali.Daí a imagem estar hoje nessa Igreja e se fazer a festa no Fim de semana a seguir à Páscoa (Domingo de Pascoela e Segunda-feira)

asn disse...

Boa tarde, espero eu!
Esta questão das imagens de devoção popular é muito pertinente e, pelo que se vê, histórias parecidas existem bastantes por este país fora.
Nesta freguesia da Barreira, Leiria,temos um caso interessante que tem a ver com uma ímagem de S. Pedro, que chegou a ser motivo de questiúnculas entre as populações da Barreira e das Cortes. O mais caricato no meio de tudo isto é que, entretanto, essa imagem foi votada ao abandono, no local original. Isto é, depois de tanta polémica, a imagem já não é motivo de grandes devoções nem das Cortes nem da Barreira.
Esta estória está contada com mais ou menos pormenor no livro "Caminhos Entrelaçados" que eu prometi enviar ao AL e que, desmaselado me confesso, ainda não seguiu.
Um grande abraço a todos, incluindo os comentadores deste post.
António

ppn disse...

Caro Al
Nas memórias paroquiais não vem qualquer referência a esta ermida. Apenas a uma Capela de St.º António.
Talvez o Santuario Mariano diga alguma coisa sobre esta imagem. Mas por estas bandas não se consegue este livro em bibliotecas.

chanesco disse...

Caro AL (como diz e bem, só com um L)

As histórias de conflitos e desencontros entre paroquianos são de sempre.
Quanto à imagem original da santa, como diz o Moura, estará por aí em casa de alguém que nem se sabe bemzer.

Um abraço para Algodres

Anónimo disse...

o k conta é a nossa fé pois ker seja ker não seja a mesma imagem tem feito milagres e é linda e é uma história verdadeira um abraço para a muxagata.
Penso que sempre toda a gente se soube benzer!