domingo, março 11, 2007

CRUZEIRO DOS CENTENARIOS!

Postal fotografico de edicao municipal de meados do seculo XX.


Para alem do ja referido "Padrao dos Centenarios", construi-se tambem no ano de 1940 no concelho de Fornos, um cruzeiro para ainda mais realcar aquelas celebracoes nacionais . Fica no alto da Serra da Esgalhada na freguesia de Infias, minha terra adoptiva.

Este cruzeiro embora de linhas mais ou menos modernas e interessante; nas quatro faces da base, encontram-se gravados os nomes dos continentes percorridos pelos portugueses: Africa, America, Asia e Oceania, mais acima; Portugal e Europa. Ja na cruz as datas de 1140, 1640 e 1940. Nao fora o facto da floresta em frente dele, felizmente ter crescido, dali se poderia ver quase toda a encosta norte da Serra da Estrela.

E mais que sabido, que a Igreja Catolica e "Estado Novo" sempre andaram de maos dadas em quase tudo, pelo que nao e de admirar que nessas celebracoes centenarias, houvesse oportunidade tambem para construcoes de cruzeiros!

O que foi provavelmente mais pratico, mas muito infeliz, foi a colocacao da antena do outrora "Radio Fornos de Algodres" presentemente "Radio Imagem", ali junto a este monumento, ficando ate um dos tirantes quase em frente do cruzeiro.

Ja ha umas duas ou trez eleicoes autarquicas passadas, foi prometida a mudanca da antena deste local, mas como promessas e facil faze-las, a antena ali continua no sitio onde gente de mais sensibilidade, ja teria feito uma area aprazivel e ajardinada!

4 comentários:

Jofre Alves disse...

Mais uma interessante abordagem à nossa memória colectiva e local, recheada de grande valia na maneira como é apresentada. Boa semana.

Eddy Nelson disse...

Mais um monumento de exaltação. Na sequência do que têm ultimamente publicado, lembrei-me de si quando passei por um chafariz no Louriçal do Campo, com a seguinte inscrição: Obra da Ditadura 1931.

um abraço raiano

Joaquim Baptista disse...

Cá por baixo os padrões dos centenários dos centenários são de diferente tipologia. São mais simples e não tão abundantes. Quanto à igreja católica andar de mãos dadas coma ditadura, não é novidade, dado que ela anda ainda hoje abraçada ao poder. Basta ter visto a inauguração das instalações da RTP

Abraço

A. João Soares disse...

Parabéns pelo apego à terra. Embora há muito tempo afastado, sou beirão que mato saudades ocasionalmente. Estou naturalmente interessado em dar apoio moral a qualquer iniciativa em favor do interior desfavorecido e esquecido pelo Poder. As promessas saltam espontaneamente em épocas de eleições mas logo são esquecidas. É um prazer verificar que em terras mal conhecidas pela generalidade dos portugueses (Não há lá grandes clubes da Liga!) surgem blogues de pessoas bem preparadas e motivadas para valorizar o património da sua região, que é valioso.
Força Amigos. Nunca esmorecer.
Portugal é de todos e de cada um. Não podemos deixar a outros a defesa daquilo de que gostamos.
Ao Al Cardoso, agradeço a visita e o comentário ao Do Miradouro.
Abraços