quarta-feira, fevereiro 08, 2006

FORNOS "D'ALGODRES" E O QUEIJO DA SERRA


Sabem alguns dos meus leitores que, embora com a minha terra no coracao, encontro-me longe dela, uns milhares de quilometros e, nesse pais onde resido, nos os portugueses, cada vez que encontramos um novo compatriota, e quase sacramental fazermos a seguinte pergunta: de onde e voce? Quando me fazem essa pergunta a mim e, tendo obtido a resposta, uma grande parte das vezes, o que venm a seguir e o seguinte: Fornos de Algodres? essa nao e a terra do Queijo da Serra?

De facto e incontornavel ligar o "Queijo Serra da Estrela" a Fornos, sem querer por mais achas na fogueira, de qual e a terra onde o queijo e mais importante, sempre posso afirmar que reconhecidamente; Fornos de Algodres e sem duvida um dos mais importantes concelhos productores de queijo da serra e idesmentivelmente a maior Feira de Queijo Serra da Estrela, desde tempos imemoriais.

Por isso e porque estamos dentro da epoca alta deste producto, de reconhecido valor e sabor (digo eu), nao quero deixar passar um evento, que serve nao so para a sua valorizacao, como para homenagear os envolvidos na sua producao: Os pastores e queijeiros, estou a referir-me: A Festa do Queijo Serra da Estrela, que se vai realizar na vila de Fornos no proximo dia 12 de Fevereiro, domingo proximo.

Porque e um domingo e nao ha tantas desculpas, aconselho os meus leitores a uma visita a esta vila beira e, alongando a vista sobre a nossa "Estrela", convivam com as nossas gentes nesta feira festa e, provem (nao comam) o queijo das nossas terras, sempre acompanha de um bom vinho do "Dao" ou ate de um "Porto" depende dos gostos. So de referir-me a isto, estou ja com agua na boca.
Para alem da feira em si, havera folclore, exposicoes, venda de artezanato e, muita animacao. Alem disso e uma boa oportunidade, para visitarem os monumentos ja neste sitio divulgados.

9 comentários:

TSFM disse...

Em sua homenagem voua agora comer um bocadito de queijo que um amigo de Penalva do castelo me deu. Vou beber um copito de vinho, do meu, e convidava-o a fazer-me companhia, mas os States ficam longe...
Boa promoção ao que de melhor se faz em Fornos.

TSFM disse...

Gostei da foto, e reparei que o cão da Serra que lá está, assim de repente parece o meu, chama-se Boss.

al cardoso disse...

Caro Tavares: Parabensa pelo bom gosto, do queijo e, do Cao, se ai estivesse pode crer que seria um "Serra da Estrela" o meu cao preferido.
um abraco.

Terreiro disse...

Gosto muito de queijo da serra, ainda o meu sogro era vivo, entre o mês de Fevereiro e Março, íamos comprar sempre queijo nessas terras de Fornos de Algodres, um senhor que produzia queijo de excelente qualidade.
Sempre gostei de visitar essas feiras, mas, este ano já perdi a de Penalva do castelo e também vou estar ausente na de Fornos. O motivo já todos sabem.

Abraços

Jose Costa disse...

Lá estarei...

TSFM disse...

Sabes Terreiro, o motivo é que partiste a patita direita a jogar futebol,

Alex disse...
Este comentário foi removido por um gestor do blogue.
Alex disse...

Infelizmente também estou longe e não vou poder ir. E se gosto de Fornos de Algodres...
Quando andei a estudar no liceu de Mangualde, havia por lá uns lindos queijinhos de Fornos.
Esse tinham uns odores que me punham as feromonas loucas.

Terreiro disse...

Uma noticia que vinha hoje nos jornais cá do País:

Abraços

Queijo da Serra pode
Acabar daquia10anos
SOCIEDADE.O presidente da Câmara de Fornos de Algodres, Guarda, advertiu que o queijo serra da Estrela poderá deixar de existir dentro de dez anos, senão forem tomadas medidas. José Miranda classificou os 180 ovinicultores do concelho e os 120 produtores como «verdadeiros resistentes». «Tem de haver um sistema de incentivos para que os produtores de queijo da serra da Estrela tenham uma vida digna e que motive os filhos a prosseguir a actividade», disse José Miranda, que anunciou a atribuiçãode60 euros a cada uma das queijarias licenciadas como forma de apoio da autarquia aos produtores. Na região, existem 7194ovinosemilcaprinos,gerando uma produção anual de 116 toneladas de queijo e 32 toneladas de requeijão.